quinta-feira, 12 de setembro de 2013

YOUCAT - Nós seres humanos, somos abertos a Deus

Bom, sabemos que nascemos de nossos pais, entretanto nós viemos de mais longe que isso, nós viemos de Deus, donde provém tudo o que é bom, e por Ele somos esperados na Sua morada eterna. Vivemos neste mundo, mas nosso habitat natural é o céu e para que possamos encontrar nosso caminho de volta para casa Deus nos enviou Seu amado filho que nos libertou do pecado e nos mostrou o verdadeiro caminho, pois Ele é “o caminho, a verdade e a vida.(Jo 14,6)”. Deus nos criou por livre e desinteressado amor(CIC 1-3), pois o amor se excedeu em Seu coração e Ele nos criou a partir desse “excesso” e para compartilhar a sua infinita alegria conosco, assim sabemos que “Deus é amor”(1Jo 4,16b) e que somos sua imagem e semelhança (Conf. Gen 1,26), então somos criaturas de amor!


http://d2rbedwdba7p8y.cloudfront.net/imagens/mat1_708.jpg

O primeiro capítulo do catecismo jovem tem como título “Nós seres humanos, somos abertos a Deus”. Ele começa na pergunta 3 e vai até a 6 e é dele que vamos tratar agora.
No nosso coração existe um desejo incessante de procurar e encontrar a Deus, pois Ele nos criou para que estejamos d’Ele, a esse desejo é dado o nome de Religião, que se entende como uma relação para com o Divino. A busca de Deus é natural na pessoa humana, pois cada um de nós seres humanos tem dentro de si um vazio a ser preenchido que só o próprio Deus pode preencher, e por isso buscamos sempre a verdade para que assim possamos nos satisfazer emocional, material e espiritualmente. Santa Edith Stein dizia: “Quem procura a verdade procura a Deus, seja isso evidente ou não para ela”.
Tantas vezes procuramos encontrar a Deus pela nossa própria razão, e vale lembrar que podemos encontra-Lo dessa maneira sim, pois tudo o que existe no mundo remete para Deus, pois d’Ele vieram todas as coisas e para Ele voltam, cada um de nós humanos está aberto àquilo que é verdadeiro, bom e belo. A nossa consciência, que é uma força maior que nós e por onde Deus se comunica conosco, fala dentro de nós, nos impele para o bem e nos adverte sobre o mal. Entenda isto como uma dica e quem é capaz de segui-la encontra a Deus.
A mais nobre força do ser humano é a razão. A mais alta meta da razão é o conhecimento de Deus”. (Santo Alberto Magno).
Mas então se nós podemos descobrir Deus pela razão, porque a pessoas que negam Sua existência?
- De fato o homem o pode descobrir pela razão, porém não é algo tão fácil, é um desafio para o espírito humano, então muitos perante isso acabam desistindo de descobri-Lo e não o querem por ter medo da possível necessidade de mudança de vida, ou seja, nós seres humanos somos apegados àquilo que temos e detestamos o que  é novo a ponto de nos assustarmos com aquilo que Deus propõe, mesmo sem antes experimentar, fazendo assim imagens errôneas daquilo que Deus realmente é. Sabemos que a linguagem humana não está nem de longe a altura da grandeza de Deus, portanto para fazermos afirmações sobre Ele utilizamos imagens imperfeitas e noções limitadas, que jamais podem ser para nós motivo de não crença ou de desconfiança.
Concluímos então que Deus nos fez por amor e para que encontremos o amor e por isso nos deu a razão suficiente para encontra-Lo naturalmente apesar de ser uma tarefa não muito fácil por causa das limitações que nós mesmos impomos criando imagens e perspectivas de Deus que não são existentes. Entretanto Deus nos criou por, para e no amor, onde somos criaturas do amor que nos impulsiona naturalmente a Deus a cada dia mesmo que nós não percebamos.

Paz e misericórdia.